sexta-feira

Boas festas, então...Oxalá está de volta!



Gurias, estou feliz por estar aqui conversando com todas e todos, tranquila, mas ao mesmo tempo, cabeça no tempo ido e passado, onde andam as crianças com fome? Será que alguém se lembrou de colocar um doce na janela, pendurado na árvore mais próxima, na grade do portão?

Acho que sim, pois eu fiz isso, e me pergunto, será o suficiente?

Bem, quero dizer que terei todo o feriadão que se aproxima para repensar meus atos e atitudes, mas ao mesmo tempo, quero com todas dizer, vamos nos reunir, vamos festejar, mas não entorpeça seus membros sómente no pensamento, dê o passo seguinte: estenda sua mão!Axé!

Mas o mais importante é que a gente se importe, de verdade, com sinceridade, aquela criança, pode ser o seu erê amanhã, pense nisso!


2012 está ao seu lado, quase pulando prá sua vida, e ele pertence a Oxalá, Orixá efun, do branco, da paz, da serenidade, porém, com ele, reina uma guerreira, sua filha querida, sua "menina dos olhos" Yansã, e ela nos diz, corra, se movimente, decida, lute!


Ele, o mais velho, traz consigo seus filhos Ossanha, dono das folhas, dono da medicina ecológica, o primeiro a fazer o dinheiro, o primeiro a organizar o escambo, "cauim x alimentos, cauim x acertos no ifá" , sem orixá não existe folhas, sem as folhas não tem vida!


Prá além disso, traz consigo, Odé e Otim, os caçadores, o que provem o alimento, "o magué, magué" , aqueles que são os olhos do rei, os que enxergam o que nossos olhos não veem, os que vigiam a mata, para o séquito passar, os que conferem a água, elemento importante prá sobreviver! Então, este ano que virá, tem tudo para resplandecer e a gente prá brilhar!

Algumas e alguns, me perguntam e Yemanjá, o que mamãe fará, esperem, isso é conversa prá outro dia, até.


"Liberdade é meu axé de fala!"

Um comentário:

Leila L disse...

Agô! A todas e todos irmãos e irmãs desta casa desejo um 2012 cheio de prosperidade e que consigamos neste ano caminhar juntos para que o Ilê de nosso pai Xapanã esteja em ordens e que todas e todos que ai estão possam auxiliar nossa Ialorixá na caminhada de fé e esperança.
Atotô!
Ewasà!